Attachment 1 (2)
"A minha mente vai deixar de interferir"
exposição presente 20 December a 15 January


Romeu Gonçalves parte da ideia indeferida de paisagem, recriando múltiplas
histórias de um passado também ele multíplice. 
Nesta exposição a intensidade do desenho tem um papel predominante,
procurando intervenções que não colhe como suas. A intimidade
explora-se a cada passo e a cada reconhecimento da homenagem que
recai no eucalipto como espécie por todos partilhada no nosso país.
O trabalho de R.G. Posiciona-se como agente independente do seu
trabalho. Deixando que este se guie por e através dele próprio,
reclamando uma nova intimidade .